Organização: Um desafio

dadasdas

A cama está desarrumada, seu telefone não para de tocar, pois está atrasada, sua mãe gritando para que você não se esqueça de tomar café. Essa rotina é muito comum para pessoas que como eu, são um tanto quanto desorganizadas. E eu acredito que o primeiro passo para mudar esse quadro aterrorizante, porque acredite, ser desorganizado é feio, é estressante e no fim das coisas tudo dá errado, é tomar consciência dele. Então pare para pensar na sua rotina, na sua vida e me responda a seguinte questão: “No final de semana, você percebe que conseguiu fazer tudo o que queria fazer? Ou sente que tem algo faltando?” Se você consegue cumprir todas as suas tarefas com louvor, meus parabéns! Você é uma pessoa vitoriosa, mas se você é como eu, estamos em risco coleguinha!”

Eu gosto muito de ler artigos sobre organização, sobre todo e qualquer tipo de organização, mas a parte difícil mesmo é colocá-los em prática. E minha mãe reclama muito disso, mas infelizmente eu não consigo mudar.

Como esse ano foi um ano decisivo para mim, eu decidi que vou me esforçar ao máximo para conseguir alcançar a minha meta, será uma tarefa árdua, mas espero conseguir, com algumas dicas que encontro por aí…

Esse post é mais um desabafo e o começo das minhas promessas de fim de ano – risos – muitas coisas ainda estão por vir. Acho que eu precisava assumir publicamente minha dificuldade de me organizar, para começar uma nova vida com o pé direito.

E vocês? Como funcionam no dia-a-dia? Conseguem cumprir todas as suas tarefas, ou sempre deixam coisas pendentes?

Anúncios